18 de fevereiro de 2011

ORT

World ORT

ORT - ORGANIZAÇÃO, RECONSTRUÇÃO E TRABALHO - é uma instituição educacional de origem judaica que se dedica ao ensino e treinamento tecnológico. Atua hoje em mais de 50 países; suas escolas são freqüentadas anualmente por cerca de 300.000 alunos.

Sem fins lucrativos, concentra seus esforços em permitir o acesso a uma educação de elevado nível ao maior contingente possível de alunos, sem restrições de qualquer espécie. Maior organização não governamental de ensino e treinamento tecnológico do mundo, o ORT desenvolve pesquisas educacionais e coloca seu conhecimento técnico à disposição de governos, indústrias e outras instituições de ensino. Na sua sede, em Londres, são preparados e produzidos cursos e sistemas de treinamento em tecnologia avançada.

Desde sua fundação em 1880, um dos principais objetivos do ORT foi ajudar a ajudar-se, levando à independência e à auto-suficiência. E alcançou-o oferecendo educação e treinamento às pessoas para ajudar-lhes a ganhar seu sustento com dignidade.

Clique aqui para conhecer o site do World ORT.

ORT Brasil

O ORT iniciou suas atividades no Brasil em 1943, com cursos profissionalizantes e também com programas de treinamento para empresas e para a comunidade em geral. Atualmente, o Instituto de Tecnologia ORT oferece cursos de Ensino Fundamental II (do 6º ao 9º ano) e de Ensino Médio Técnico (em três anos), com especialização em Biotecnologia, Comunicação Social, Eletrônica e Informática.

Durante seus estudos os alunos obtém uma sólida formação geral e científica junto a uma capacitação profissional, o que os habilita a continuar estudos universitários e também incorporar-se ao mercado de trabalho. Cursam matérias de educação geral, de educação tecnológica e de cultura judaica distribuídas numa carga horária de 40 horas semanais.

A Sociedade Israelita Brasileira ORT, mantenedora do Instituto, objetiva promover o aprimoramento econômico, educacional e social de judeus e não judeus (aproximadamente 50% de seus alunos são de origem judaica).

Dentro da filosofia do “aprender fazendo” os jovens se capacitam no manejo adequado da instrumentação e dos equipamentos, na prática das operações de laboratório e no desenvolvimento de procedimentos específicos, que incluem desde a preparação de soluções ou a purificação de substâncias até a cultura de microrganismos e de tecidos vegetais, a montagem de equipamentos eletrônicos, a manutenção de microcomputadores, a confecção de programas ou sistemas informáticos, a produção de vídeos e páginas para a web, etc.

Para se formar, cumprem 140 horas de estágio supervisionado, habitualmente em uma empresa ou laboratório ligados à sua especialização. Também devem realizar dentro da escola, sozinhos ou em grupo, um projeto final onde mostrem sua habilidade para desenvolver trabalhos de maneira independente.

Além disso, a instituição mantém cursos livres de Informática, Robótica, Eletrônica e Biotecnologia, cursos técnicos para quem já finalizou o Ensino Médio e treinamentos específicos para empresas.

Especial destaque têm os cursos gratuitos de iniciação científica oferecidos em seus laboratórios para alunos de escolas municipais.

Nos últimos 10 anos, o ORT classificou-se entre os dez primeiros colégios no ranking do vestibular para as principais universidades, com seus alunos obtendo quase 100% de aprovação.

Para que alunos talentosos, mas de poucos recursos, tenham a oportunidade de adquirir uma formação profissional que lhes ofereça um futuro melhor, o ORT implementou um Programa de Bolsas de Estudo. Atualmente, cerca de 70% dos alunos dispõem de bolsas de estudo integrais ou parciais, conforme avaliação das condições financeiras das famílias dos solicitantes.

No Brasil, o aluno do ORT é treinado para estudar, trabalhar e utilizar as ferramentas da tecnologia em seu próprio benefício e para o progresso de sua comunidade. Dessa forma, não só fazemos uma diferença em sua vida, mas também o equipamos para ela.